Heróis do mar descascam laranja mecânica.

Posted by

Um golo de Gonçalo Guedes permitiu este domingo à seleção portuguesa de futebol conquistar a primeira edição da Liga das Nações, com um triunfo por 1-0 na final com a Holanda, no Estádio do Dragão, no Porto.

O jogador do Valência, que substituiu no ‘onze’ João Félix em relação às meias-finais, resolveu o encontro aos 60 minutos, com um remate à entrada da área, após um passe de Bernardo Silva.

O conjunto das ‘quinas’ arrebatou o segundo título internacional da sua história, depois do campeonato da Europa de 2016, então numa final com a anfitriã França (1-0, após prolongamento), graças a um golo de Éder.

Nove jogadores somam o segundo título

Com a conquista da Liga das Nações este ano, vale relembrar que alguns dos escolhidos para Fernando Santos somam agora dois títulos pela Seleção Nacional, com o triunfo no Euro 2016.

Rui Patrício, José Fonte, Pepe, Raphael Guerreiro, Danilo Pereira, William Carvalho, João Moutinho, Rafa Silva e Cristiano Ronaldo são os ‘repetentes’ no que trata a levantar troféus.

Fernando Santos, de resto, é o único técnico a ter um título pela Seleção Nacional, conseguindo conquistar o segundo em quase três anos, tendo disputado ainda a Taça das Confederações e o Mundial 2018.

Vitória reforça cofres da Federação Portuguesa de Futebol

Para lá do reforço do prestígio internacional, a conquista da Liga das Nações permitiu a Portugal encaixar 10,5 milhões de euros. Depois dos 4,5 milhões garantidos à partida (2,25 pela entrada na prova e 2,25 pela vitória no Grupo na Liga A), a Seleção Nacional garantiu ainda mais 6 milhões de euros pelo triunfo na final. De notar que, caso tivesse sido finalista vencido, Portugal teria arrecadado um total de 9 milhões.

Sempre a somar

Com mais esta verba, a Federação Portuguesa de Futebol vê os seus cofres voltarem a ser reforçados, chegando a uma verba já bem próxima dos 130 milhões de euros conquistados no atual milénio, isto no que a prémios de provas internacionais diz respeito.

O maior deles foi garantido no Euro’2016, onde foi Portugal campeão, com 25,5 milhões, logo seguido pelo Mundial’2006 e Euro’2012 (15 milhões) e Euro’2004 (14,7). No total, juntando todas as provas, Portugal já amealhou 129,4.

Fonte: Record, A Bola

Leave a Reply

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.