O Los Angeles Lakers parece só ter começado os trabalhos nesta offseason. Depois de passar quase um ano atrás de Anthony Davis, a franquia conseguiu fechar negócio com o New Orleans Pelicans. Agora, o foco passa a ser outro: o armador, e free agent, Kemba Walker. Com espaço na folha salarial para mais uma grande estrela, a equipe deve ser agressiva na tentativa de convencer o all-star.

Com 25,6 pontos, 5,9 assistências e 4,4 ressaltos por jogo, Kemba Walker vem de sua melhor temporada na carreira. Apesar da ideia de jogar com LeBron James e Anthony Davis ser tentadora, tirar o armador do Charlotte Hornets não será tão fácil. O jogador teria inclusive a intenção de renovar seu contrato por um valor mais modesto, tudo para ajudar sua equipe.

Após enviar Lonzo Ball para New Orleans, os Lakers precisam de um armador para a posição. A franquia deverá agendar uma reunião com Kemba o mais breve possível. Poucos jogadores na NBA possuem a influência de LeBron James, que certamente estará na reunião com o jogador. Toda a negociação deve girar em torno da oportunidade de formar um “Big Three” com “The King” e Davis.

Em caso de fracasso, a franquia ainda tem outras opções de peso na free agency. Outros dois nomes que estão entre os mais badalados da offseason são os de Kyrie Irving e D’Angelo Russell.

O primeiro já foi especulado no próprio Los Angeles Lakers, podendo reeditar a vitoriosa parceria com LeBron. Apesar de fontes garantirem que Kyrie está cada vez mais próximo do Brooklyn Nets, a possibilidade ainda não está descartada.

Enquanto Irving pode estar chegando em Brooklyn, quem pode estar de partida é D’Angelo Russell. Draftado pelos Lakers com a segunda escolha geral em 2015, o armador é um dos novos personagens desta offseason. Embora nenhum rumor aponte o jogador como um alvo da franquia californiana, não se pode descartar nada.

Se os Lakers não conseguirem nenhum dos melhores armadores disponíveis, ainda existem outras opções mais modestas. Nomes como Malcolm Brogdon, Ricky Rubio, Terry Rozier, Elfrid Payton e Derrick Rose estarão no mercado.

Fonte: Playoff, NBA