A seleção de Angola estava à distância de um empate dos oitavos de final do CAN, mas a derrota por 1-0 ditou o afastamento precoce da prova.

Os palancas negras até entraram decididos na partida e Gelson Dala dispôs de uma grande oportunidade praticamente a abrir, mas o remate de pé direito saiu fraco e à figura do guarda-redes adversário.

A seleção maliana, que entrou para a última jornada já apurada para os oitavos de final, apresentou-se no jogo em modo económico, não só pelas muitas alterações no onze (Marega e Diaby não foram titulares e o portista só entrou nos dez minutos finais) mas também pela entrada desligada.

Gradualmente, os malianos foram adquirindo o controlo do jogo e afastando a seleção de Angola para o seu meio-campo defensivo.

FILME E FICHA DE JOGO

A partir da meia hora, a balança começou a pender mais para o lado de Mali, que geria os tempos do jogo numa altura em que os angolanos assumiam uma postura mais expectante e começava a ser evidente a existência de alguma desorganização defensiva que seria aproveitada pelo adversário.

Fonte: TVI