ANÁLISE DE MERCADO CAN 2O19: Como estão valorizadas as equipas após fase de grupos e o que se esperar até o final do CAN?

Posted by

A primeira fase do CAN 2019, foi nutrida com grandes surpresas em campo e duelos muito interessantes. A Cid Intelligence Unit (CIU) preparou uma análise sobre os diversos factores que ocorreram na primeira fase como análise de mercado, altos & baixos e previsões para as próximas fase.

A base de dados utilizada foi fornecida pelo website Transfermarket para o valor de mercado dos planteis.

Análise de Mercado

A primeira fase foi marcado por duelos em campo muito interessantes e jogos muito equilibrados, sendo que todos favoritos terem garantido a passagem à fase seguinte com maior ou menor dificuldade. Nesta senda, podemos destacar, com grande surpresa, a selecção do Madagáscar que apesar do seu baixo valor de mercado do seu plantel, conseguiu em campo superar o favoritismo dos seus adversários e passar em primeiro lugar constituindo assim a maior surpresa do CAN até ao momento.

Fazendo agora uma leitura daquilo que são os números dos valores do planteis, no TOP-5 destacamos a subida do plantel Egípcio do 5º para o 4º posto, relegando assim a Nigéria para o 5º lugar, que apesar do plantel egípcio ter desvalorização de 196,2 Milhões para 194,2 Milhões, a Nigéria teve uma desvalorização maior (-2,3%) de 196,55 Milhões para 192,1 Milhões. De referir que os 3 primeiros lugares não alteraram em termos de posição apesar o plantel do Senegal ter sofrido uma depreciação de -0,3% e os planteis da Costa do Marfim e Argélia terem apreciado em 0,2% e 0,7% respectivamente.

No Top 6-10 houve as maiores mudanças dos valores destacando a queda do Plantel do Gana do 8º para o 10º lugar e do Mali do 10º para o 8º lugar. Contudo em termos de desvalorização apesar de não ter mudado de posição, o plantel dos Camarões sofreu a maior depreciação do CAN até ao momento de -27,6% e 167,3 Milhões para 131,1 Milhões sendo que de modo inverso o Mali foi a equipa que mais se valorizou no Top 6-10 com 14,1% nos valores de 105,4 Milhões para 122,7 Milhões.

No Top 11-24 poucas alterações existiram em termos de posição apenas Guiné-Bissau que trocou de posição com a Tanzânia de 18º para 19º e a Mauritânia e Namíbia de 23º para 24º. De modo geral nesta categoria quase todas equipa tiveram o valor dos seus planteis apreciados destacando-se o Namíbia que obteve a maior valorização da prova até ao momento de 18,3%.

Destaque

As selecções do Madagáscar e Uganda foram as maiores surpresas desta primeira fase sendo que o Madagáscar conseguiu passar em primeiro lugar do grupo após bater a Nigéria e Burundi e empate contra a Guiné. Já a selecção do Uganda bateu a temível RDC, empatar com o Zimbabué e derrota com o anfitrião Egipto.

Decepções

Constituíram as maiores decepções desta primeira fase a selecção de Angola, RDC e Nigéria. Angola não conseguiu se qualificar para a próxima fase, deixado escapar no jogo com a Mauritânia a sua grande chance de passagem deixado a sua sorte para o último jogo contra o Mali, de más memórias para todo povo angolano, que mais uma vez voltou a travar os destinos angolanos que necessitava apenas de um empate para passar. Já as selecções da RDC e Nigéria apesar de terem passado para a próxima fase, a RDC precisou de chegar até a última jornada para garantir o seu 3º lugar e passagem após duas derrotas nos 2 primeiro encontros e a Nigéria que apesar de ter garantido nos dois primeiros jogos a passagem, perdeu o seu último encontro contra um “precipitante” Madagáscar e lhe ter destronado o 1º lugar como era expectável.

Previsões

Os oitavo de final nos reservam grandes duelos africanos com destaque Nigéria vs Camarões, Gana vs Tunísia e Mali vs Costa do Marfim. Prevemos que passem para os quartos de finais: Senegal, Marrocos, RDC, Gana, Costa do Marfim, Argélia, Nigéria e Egipto. Prevemos ainda que nos Quartos de finais passem: Senegal, Gana, Argélia e Egipto; Meias finais: Senegal e Egipto e campeão Senegal. Até ao momento das previsões feitas para passagem da fase de grupos, 13 acertamos e erramos 3, sendo uma taxa de sucesso de 82%. A nossa análise tem como base o valor de mercado de cada plantel, a performance até ao momento no CAN 2019 e o histórico de cada selecção nesta fase.

Leave a Reply

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.