As receitas fiscais do petróleo cifraram-se em 1,949 mil milhões de kwanzas no cômputo de 2019, acima de metade do total obtido em todo o ano passado, quando os proventos do Estado se situaram em 3,330 mil milhões de kwanzas, de acordo com números publicados ontem pelo Ministério das Finanças.

Os dados indicam que, de Janeiro até agora, foram exportados 257 576 549 barris de petróleo a um preço médio de 51,16 dólares por barril, em cifras obtidas por intermédio das declarações submetidas pelos operadores e a concessionária nacional à Administração Geral Tributária.
A arrecadação incidiu sobre o Imposto do Rendimento do Petróleo (563 026 185 574 kwanzas), Imposto sobre a Produção de Petróleo (111 260 420 208 kwanzas) e o Imposto sobre a Transacção de Petróleo (33 155 658 624 kwanzas), de acordo com os números publicados pelo Ministério das Finanças.
O Relatório de Gestão e Contas Consolidadas da Sonangol relativo a 2018, divulgado sexta-feira, dá conta de uma produção total de 539,8 milhões de barris no ano passado, a uma média de 1,478 milhões de barris por dia, menos 9,00 por cento que em 2017.

Fonte: Jornal de Angola.