DESVALORIZAÇÃO: BNA vende 86,7 milhões em dois leilões provocando a depreciação do Kwanza.

Posted by

A moeda angolana iniciou a semana mantendo o valor face ao euro (391,404 kwanzas/euro) e ultrapassou os mínimos históricos face ao dólar (356,354 kwanzas/dólar), indicam dados do Banco Nacional de Angola (BNA).

Depois de a 1 de Julho ter fechado no valor mais baixo de sempre (391,564 kwanzas/euro), a moeda angolana mantém-se estável e sem qualquer oscilação face a divisa europeia.

Face à moeda norte-americana, o kwanza renovou o valor mínimo atingido, fixando-se então uma paridade de 356,354 kwanzas/dólar.

Desde 09 de janeiro de 2018, quando as autoridades de Luanda puseram termo à taxa de câmbio fixa e começaram a vender aos bancos comerciais as divisas em leilão, primeiro trissemanais e atualmente diárias, o kwanza já se depreciou 52,352% face ao euro e 52,632% em relação ao dólar.

Em janeiro de 2018, um euro equivalia a 185,4 kwanzas, enquanto um dólar se transacionava a 165,92 kwanzas.

Em janeiro, mas deste ano, um euro equivalia a 352,828 kwanzas, enquanto o dólar era transacionado a 310,158 kwanzas.

Hoje, no mercado paralelo, o euro continua a transacionar-se entre os 500 e 520 kwanzas, o mesmo acontecendo ao dólar, trocado entre os 430 e 440.

A a entidade central disponibilizou 86,7 milhões de dólares em dois leilões sendo que o primeiro esteve aberto a 21 instituições financeiras, onde foram alocados 15 milhões de dólares, e o segundo a 17 bancos, onde se registou a venda de USD 71,7 milhões.
O mercado cambial angolano registou uma depreciação semanal do Kwanza em 1,20%, face ao dólar. O intervalo face ao mercado paralelo reduziu-se ligeiramente, para 40,7%. Por outro lado, o BNA anunciou que para o mês de Agosto irá disponibilizar USD 546 milhões para todas as finalidades.

Fonte: Cidadela.

Leave a Reply

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.