BENGUELA: Fertiáfrica vai investir 21 milhões de USD.

Posted by

A Fertiáfrica, uma unidade misturadora de fertilizantes de Benguela, detida por capitais angolanos, arranca dentro de um mês e meio, trazendo para o mercado 500 toneladas por dia, informou, hoje, em Luanda, o presidente do Conselho Executivo da companhia, Malik Charaniya.

A empresa investiu cerca de 21 milhões de dólares de capitais próprios, em maquinaria, matéria-prima e estrutura física da unidade fabril, construída ao longo de um ano numa área total de 86.927 metros quadrados.
A unidade inclui uma área social, administrativa e de produção, onde está instalada uma linha de mistura, granulação e ensacamento de fertilizantes NPK, além de um laboratório de controlo da qualidade e uma área técnica.
A produção na Fertiáfrica ocorre ao longo de um ciclo que inclui a mistura de matérias-primas, granulação, ensacamento, armazenamento e comercialização, resultando no que o Conselho de Executivo da fábrica disse ser “a primeira unidade misturadora em Angola”, fazendo-o, além do mais, com tecnologia de ponta.
Numa segunda fase, projectada para a expansão da produção de fertilizantes, a companhia eleva a oferta para 30 mil toneladas por mês, dando a oportunidade dos agricultores localizados ao longo do Corredor do Lobito, adquirirem os fertilizantes a preços mais competitivos.

Impacto Ambiental.
Um novo estudo de impacto ambiental solicitado pelos ministérios da Indústria e do Ambiente, para o qual foi contratada a consultora Resurb Ambiente, não se prevê alterações relevantes do meio ambiente em resultado da implantação da fábrica, de acordo com Malik Charaniya.
“A unidade equipada com tecnologia de ponta, equipamentos novos e com sistema de controlo de emissões mundialmente testados, designado como Melhores Técnicas Disponíveis (MTDs) para o sector de actividade”, declarou Malik Charaniya, assegurando a prevenção de eventuais riscos ambientais no tratamento de águas residuais (industriais e domésticas).

Fonte: JA

Leave a Reply

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.