Covid-19: Ministério da Saúde apresenta amanhã resultados dos passageiros de Portugal

Posted by

O Ministério da Saúde entrega a partir de amanhã, às 9H00, mil resultados de testes da Covid-19 feitos aos passageiros dos voos da TAAG provenientes de Portugal nos dias 17, 18 e 19 de Março.

A informação foi divulgada ontem, em Luanda, pelo secretário de Estado para a Saúde Pública, durante a actualização dos dados sobre a Covid-19, no país. Segundo Franco Mufinda, a entrega dos resultados dos cidadãos que vieram de Portugal vai ser feita na Escola Nacional de Saúde Pública, junto à Multiperfil, no Morro Bento.

Dos mil testes realizados, apenas um foi diagnosticado positivo. Trata-se do caso do cidadão da Guiné Conacry, proprietário de um estabelecimento comercial no distrito urbano do Hoji- ya-Henda, município do Cazenga. O secretário de Estado anunciou ontem a recuperação de mais um cidadão que estava infectado com a Covid-19, não se tendo registado nenhum caso novo nas últimas 24 horas.

Na globalidade, o país mantém-se com 45 casos positivos e dois óbitos, num total de 14 recuperados e 29 activos, clinicamente estáveis. Deste número 18 casos são positivos de transmissão local. De acordo com o secretário de Estado, das 842 pessoas que estavam em quarentena institucional, 101 receberam alta, sendo 26 em Luanda, dois em Cabinda e 73 no Cunene. Os restantes permanecem confinados.

No que diz respeito às chamadas, o Centro Integral de Segurança Pública (CISP) notificou 86, designadamente três alertas de casos suspeitos, quatro denúncias e 79 pedidos de informação. Na actividade laboratorial foram recolhidas e testadas 5.843 amostras, das quais 45 positivas, 5.408 negativas e 370 estão em processamento.

Franco Mufinda informou ainda que todos os passageiros provenientes de Cuba foram testados e os resultados deram negativos. O secretário de Estado para a Saúde Pública informou, também, que neste momento foram constituídas três cercas sanitárias na província de Luanda, no Cassenda, Hoji-ya -Henda e Futungo de Belas.

Fonte: Jornal de Angola

Leave a Reply

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.