Huawei apresentou, nesta terça-feira (26/05), em Luanda, a solução Home study para Angola com objectivo de apoiar o projecto TIC Talent, que envolve instituições do ensino superior ligadas às tecnologias de informação.

A solução Home study já se encontra em fase experimental desde Abril deste ano, e está a permitir a criação de salas de aula virtuais em tempo real, para a formação dos estudantes nesta fase de confinamento social devido  à covid-19.

Em vídeo conferencia, realizada nesta terça-feira, a  Huawei Angola apresentou de forma oficial o  referido programa, a vigorar num período de seis meses, ajudando os  estudantes  inscritos  em sete  instituições de ensino.

Trata-se dos institutos de Telecomunicações (Itel),  o Superior de Tecnologias de Informação e Comunicação (Isutic), o Politécnico Metropolitano (Imetro),  de Ciências Policiais (ISCP), a Universidade Católica de Angola  e o Centro Integrado de Formação Tecnológica (Cinfotec).

Luís Gonçalves, o representante da Huawei, referiu que  mais  instituições de ensino, num total de sete, poderão entrar no programa, neste ano, estando já  a decorrer alguns processos que conformam a certificação.

Sabe-se que, a Huawei Angola pretende, numa parceria com o Governo, formar, este ano, 2.500 profissionais angolanos nas áreas das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC). A empresa, que opera há 20 anos em Angola, garante, também, certificar 300 engenheiros profissionais.

Fonte: MenosFios