De todas as candidatas a vacinas eficazes para a COVID-19, várias são as que já se encontram numa fase avançada das pesquisas. Desta forma, estima-se que em breve teremos o medicamento pelo qual todos ansiamos.

O desenvolvimento de uma vacina tem custos estrondosos, o que depois se reflete no seu preço quando lançada para o mercado. Para tornar a tão desejada vacina mais barata, a Fundação Bill & Melinda Gates vai injetar 150 milhões de dólares no Serum Institute of India.

Nunca antes uma vacina foi desenvolvida em tão pouco tempo. Mas, infelizmente, a sua urgente necessidade ditou que era preciso unir todos os esforços e conhecimentos científicos para conseguir lançar aquela que, neste momento, é a vacina mais aguardada de sempre.

Já várias são as candidatas a vacina contra a COVID-19, no entanto há pelo menos dois nomes que são os mais sonantes: a que está a ser desenvolvida pela empresa americana de biotecnologia Moderna e a da Universidade de Oxford, no Reino Unido.

Bill Gates vai doar 150 milhões de dólares para tornar a vacina mais barata

Bill Gates é conhecido sobretudo por ser o fundador da Microsoft, no entanto é também um filantropo ligado a várias causas. Nesse sentido, criou juntamente com a sua esposa a Fundação Bill & Melinda Gates.

A Fundação é uma das várias entidades que tem estado preocupada e atenta à pandemia do Coronavírus. Ainda numa fase inicial do surto, a organização lançou uma iniciativa para distribuir testes caseiros para detetar o vírus SARS-CoV-2.

Agora, a Fundação Bill & Melinda Gates vai injetar 150 milhões de dólares, cerca de 127 milhões de euros, no Serum Institute of India, que é o maior pólo produtor de vacinas a nível mundial. A parceria foi celebrada nesta sexta-feira e divulgada através de um comunicado do Instituto.

O montante tem como objetivo contribuir para que o valor da vacina da COVID-19 se torne mais baixo. Ou seja, com o valor, a aliança de vacinas GAVI poderá fazer 100 milhões de doses da vacina para a COVID-19 destinadas à Índia e a outros países emergentes já em 2021. Assim, através desta iniciativa, Bill Gates acredita que cada dose pode vir a custar menos do que 3 dólares ao utente, cerca de dois euros e meio.

Os fundos serão doados à GAVI e depois usados para apoiar o Serum Institute. Desta forma a Fundação pretende ajudar a que a vacina, seja ela qual for, chegue a 92 países vulneráveis. O mesmo montante vai ajudar o Serum Institute of India a conseguir lançar 2 mil milhões de doses da vacina até ao final de 2021.

De acordo com as informações já conhecidas, a vacina da empresa Moderna poderá custar até 25 euros por dose.

Fonte: Pplware