O CEO da Apple, Tim Cook, atingiu um novo patamar de riqueza que serve de prova do trabalho que tem feito na empresa de Cupertino.

Diz a Bloomberg que a riqueza de Cook é agora estimada em mil milhões de dólares, uma mistura não só do salário que recebe enquanto líder da Apple como também da quantidade das ações que tem da empresa.

Desde 1998 que Cook está na Apple, onde se tornou rapidamente num braço direito do co-fundador Steve Jobs. Cook tornou-se CEO em agosto de 2011, um mês antes do falecimento de Jobs.

Fonte: Tech ao Minuto