OPINIÃO: “Uma Portuguesa em Angola”.

A capital é movimentada, cada vez mais moderna, começa a apostar fortemente no turismo, mas e principalmente, para os expatriados portugueses, é uma cidade por vezes quase inimiga. A herança colonial ainda está muito enraizada nas mentalidades dos angolanos.